fbpx
X
Estamos atendendo normalmente!
Hérnia de Disco: Sintomas e tratamentos

Considerada uma doença comum no planeta, a hérnia de disco acomete 8 a cada 10 pessoas no mundo, de acordo com a Organização Mundial de Saúde. A lesão na coluna, que pode se manifestar também em jovens, está associada ao sedentarismo, sobrepeso e tabagismo, entre outras causas.

Se você sofre com hérnia de disco, deve se perguntar de onde vem essa dor e como encontrar alívio. A boa notícia é que com a combinação certa de autocuidado e acompanhamento médico ela pode ser tratada antes de se tornar crônica.

Não sabe o que é a hérnia de disco ou como tratá-la? Continue a leitura para saber mais sobre essa condição.

O que é uma hérnia de disco?

Basicamente, a hérnia de disco é uma lesão da coluna vertebral. As vértebras que compõem a coluna vão do cóccix até a base do crânio e entre elas estão os discos, que amortecem os impactos do corpo e permitem a mobilidade.

Quando um desses discos se rompe, é chamada de hérnia de disco. Essa lesão pode acontecer em qualquer lugar da coluna, sendo mais frequente na região lombar ou no pescoço.

O que causa?

A hérnia de disco afeta principalmente pessoas com idades entre 30 e 50 anos e os homens apresentam o problema duas vezes mais do que as mulheres. Com o tempo, a camada externa dos discos entre as vértebras enfraquece e pode rachar.

Vários fatores podem contribuir para uma ruptura do disco, incluindo:

– tabagismo;

– envelhecimento;

– estar acima do peso;

– ficar sentado ou na mesma posição por longos períodos;

– tensão repentina por torção inadequada ou levantamento;

– praticar movimentos repetitivos ou levantar objetos pesados.

Quais os sintomas?

O principal sintoma relatado em consultórios é a dor na região lombar, mas variam de acordo com o lugar da coluna em que é apontado o problema. Os sintomas pioram ao se movimentar e melhoram com o repouso.

Na lombar, os sinais vão desde pontadas, sensação de queimação, formigamento ou dormência nas pernas ou pés até fraqueza muscular. Essa dor aguda geralmente se manifesta em um lado das nádegas, na perna e raramente no pé.

No pescoço, as dores podem aparecer:

– perto ou entre as omoplatas;

– do ombro até os dedos;

– no pescoço, especialmente nas costas e nas laterais;

– ao dobrar ou virar o pescoço;

Prevenção – como evitar uma hérnia de disco?

Para prevenir a hérnia de disco é importante adotar um estilo de vida mais saudável, onde se destaca:

– a prática de atividades físicas sob orientação fortalecer a musculatura de sustentação da coluna, tornando-a mais resistente;

– uma dieta para controlar o peso corporal e evitar que a coluna fique sobrecarregada;

– evitar carregar excesso de peso;

– fazer alongamento diariamente;

– uma postura adequada.

Tratamento

Na maioria dos casos, a dor de uma hérnia de disco desaparece com o tempo. Em outras situações são recomendadas injeções ou cirurgia.

No entanto, quando a dor da hérnia de disco atrapalha sua vida e os sintomas não melhoram após quatro a seis semanas é recomendado o acompanhamento médico para um tratamento preciso.

Estamos aqui para ajudar

Ter uma hérnia de disco pode deixar você com receio de se movimentar. Tente se manter em atividades leves, porque os músculos enrijecem quando há pouco movimento. Siga as recomendações do seu médico para alongamentos e outras formas de aliviar a dor.

Aqui na InCórpore você tem acompanhamento médico completo com profissionais em ortopedia e mais 30 especialidades. Encontre os benefícios do cartão MedInCórpore clicando aqui ou agende sua consulta com um ortopedista por WhatsApp.